Meu Perfil
BRASIL, Sul, PORTO ALEGRE, PARTENON, Homem, de 36 a 45 anos, Portuguese, Arte e cultura, Música
MSN - lclima3@hotmail.com



Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 Van Gogh
 Clube da esquina
 Johanna Pieterman
 Stephaine Pui-Mui Law
 Christophe Vacher
 Mario Quintana
 Nada Prem
 Biblioteca Virtual de Literatura
 Enciclopedia da Arte
 Museu de Artistas
 Penas e condenações históricas
 Meu Porto
 Fernando Pessoa
 Sesmarias (Bugra)
 Florata
 Bambú Oco
 Aldeia dos Anjos
 Gibran Kalil Gibran
 A arte de Philip Straub
 O fantástico Humor de Quino
 Pulso Único
 Paulo Leminski
 Orisinal games
 Memória Viva
 Mário Prata
 O Mundo de Mafalda
 Lost Art
 Jornal da Poesia
 Google
 Blues
 Lenine
 Enya
 Galeria de desenhos
 Getty Imagens
 Earth Echo
 Crianças Desaparecidas
 Poesia
 Caixa de Hai Kai
 Bella Galeria
 Buraco Negro - Cida Souza
 Hydra
 Anne
 Radios do mundo inteiro
 Cantinho Animal (Danna)
 Mistérios Antigos
 Obras da literatura portuguesa
 Tradutor de Hieróglifos
 Pablo Neruda
 Nuno Mindelis (blues)
 Download Gratuito de Livros
 Ceson-Centro Espírita Sebastião o Mártir
 Kennet Parker (fhotographs)
 Aqui vc baixa todos os tipos de programas para o seu PC.
 Site muito legal, aqui vc faz a sua arte e pode enviar aos seus amigos...
 Aqui vc poderá baixar e imprimir suas capas de CDS e DVS, centenas de títulos em ordem alfabética. Tem de tudo!
 Tudo em dicas para melhor rendimento do seu computador, excelente!
 Aqui vc encontra 16 dicionários online da Lingua Portuguêsa.
 Encontre suas musicas em MP3. Muito bom!
 Falanges do Vento - site Lucas
 Aqui todos os links de primeira necessidade para o seu navegador.
 Muito legal, vc pode modificar e transformar o visual do seu site ou de seus amigos.
 As melhores fotografias, imperdível...
 Revista Super Interessante. Arquivos para baixar gratuídos.
 Imagens eróticas Lindas...
 Fadas, anjos e ilustrações fantásticas.
 O melhor do sulrealismo está aqui...
 Imagens e Ilustrações fantásticas.
 Sites eróticas e Nús artisticos.
 Tudo sobre arte , fantasia, e sulrealismo...
 A arte divina de Bill Martin
 Imagens online- Lindas imagens, é só escolher e salvar.
 A arte digital de Mel Gama - Mto. Bonito. Vale ver.
 Tudo sobre Fadas.
 Os melhores PPS.
 Inúmeras galerias de fotografias de excelente Qualidade.
 Aqui vc baixa tudo com segurança e ótima qualifdade, MP3 e DVDS , jogos e Programas.
 Imagens Digitais de alta definição
 Galerias com variedades de desenhos e pinturas incríveis.
 Simplesmente Divino, entre e delicie os seus olhos.
 Tudo o que vc queria saber sobre Gnomos-(sites relacionados).
 Arte e fantasia, fadas, anjos e seres mitológicos. Este site reúne inumeros artistas de alta qualidade.
 Fotos Históricas da Revista LIFE (Imperdível)
 Galeria das fadas , imagens e arte fantasia..Excelente!
 Seleção de Links de ilustrações, imagens e histórias sobre fadas e seres encantados.
 Evoluções no Cosmos - Sabedoria e Reflexão.


 
Caminhos contínuos


 

Não, eu não sou melhor que ninguém, sou deliciosamente diferente...

Eu gosto dos que têm fome

Dos que morrem de vontade

Dos que secam de desejo

Dos que ardem... (lucas)

 


Existem momentos que você busca
respostas em meus olhos
conforto para o seu coração
eu não digo nada, apenas te coloco no colo.
Aprendi a ninar você, a responder sem palavras
a construir nossa paz em momentos de guerra
e por isso nos tornamos um só  
INQUEBRÁVEIS...

Um presente gostoso ! Clike nos links abaixo e baixe

todas as tirinhas da Mafalda.

* Espanhol Clique no link abaixo:
http://rs56.rapidshare.com/files/10671921/Quino_-_Toda_Mafalda.rar 

* Português
 Clique no link abaixo: 

http://www.4shared.com/file/47168983/cfbe5cd6/Toda_Mafalda_em_Portugus.html?s=1

Boa leitura e diversão!!!  Abraço! Lucas

Não fico ruminando tristezas
não tenho paciência para auto piedade
desenho flores coloridas
pinto notas musicais
meus cabelos recebem o carinho do vento 
meus dias
nunca são iguais....



Uma vez uma amiga me disse: que meninas boazinhas colecionavam elogios e presentes.
mas que ela colecionava bolinhas de gude e cicatrizes.
E hoje depois de algum tempo, enquanto algumas esperam viver um conto de fadas
Ela já beijou o príncipe que virou sapo, construiu castelos para morar sozinha,
despediu a fada madrinha e decidiu viver com o "lobo",
ouviu várias histórias mas resolveu escrever a dela.
Hoje é uma linda Mulher.... (lucas)

Ela era uma mulher de fibra
guerreira
mas tinha mania de sentir
o som, ouvir os tons
desnudar o corpo
e cantar em silêncio.
Quem busca o suficiente
sonha em preto e branco
eu quero sonhar  
colorido
viajar no impossível
caminhar nas estrelas.
Abraço! Lucas




Escrito por Lucas às 09h16
[] []



Fios do Tempo (instrumental Lucas)

Na terra do coração passei o dia pensando  

coração meu, meu coração.

Pensei e pensei tanto que deixou de significar

uma forma, um órgão, uma coisa.

Ficou só com-cor,ação repetido,invertido ação,

cor sem sentido couro, ação e não.

Quis vê-lo, escapava. Batia e rebatia, escondido no peito.

Então fechei os olhos, viajei.

E como quem gira um caleidoscópio,vi:

Meu coração é um sapo rajado, viscoso e cansado,

à espera do beijo prometido capaz de transformá-lo

 em príncipe. Meu coração é um álbum de retratos

tão antigos que suas faces mal se adivinham.

Roídas de traça, amareladas de tempo, faces desfeitas,

imóveis, cristalizadas em poses rígidas para o

fotógrafo invisível. Este apertava os olhos quando sorria.

Aquela tinha um jeito peculiar de inclinar a cabeça.

Eu viro as folhas,o pó resta nos dedos, o vento sopra.

Meu coração é um mendigo mais faminto da rua mais miserável.

Meu coração é um ideograma desenhado a tinta lavável

em papel de seda onde caiu uma gota d’água.

Olhado assim, de cima, pode ser Wu Wang,a Inocência.

Mas tão manchado que talvez seja Ming I,

o Obscurecimento da Luz. Ou qualquer um,

ou qualquer outro:indecifrável.

Meu coração não tem forma, apenas som.

Um noturno de Chopin (será o número 5?)

em que Jim Morrison colocou uma letra falando em morte,

desejo e desamparo, gravado por uma banda punk.

Couro negro, prego e piano. Meu coração é um bordel

gótico em cujos quartos prostituem-se ninfetas decaídas,

cafetões sensuais, deusas lésbicas, anões tarados,

michês baratos, centauros e virgens loucas de todos os sexos.

Meu coração é um traço seco. Vertical, pós-moderno,

coloridíssimo de neon, gravado em fundo preto.

Puro artifício, definitivo. Meu coração é um entardecer

de verão,numa cidadezinha à beira-mar.

A brisa sopra, saiu a primeira estrela.

Há moças na janela, rapazes pela praça,

tules violetas sobre os montes onde o sol se põe.

A lua cheia brotou do mar. Os apaixonados suspiram.

E se apaixonam ainda mais. Meu coração é um anjo

de pedra de asa quebrada.Meu coração é um bar

de uma única mesa, debruçado sobre a qual

um único bêbado bebe um único copo de bourbon,

contemplado por um único garçom.Ao fundo,

Tom Waits geme um único verso arranhado.

Rouco, louco. Meu coração é um sorvete colorido

de todas as cores, é saboroso de todos os sabores.

Quem dele provar, será feliz para sempre. Meu coração

é uma sala inglesa com paredes cobertas por papel

de florzinhas miúdas. Lareira acesa, poltronas fundas,

macias, quadros com gramados verdes

e casas pacíficas cobertas de hera. Sobre a renda branca

da toalha de mesa,o chá repousa em porcelana da China.

No livro aberto ao lado, alguém sublinhou um verso de Sylvia Plath:

"Im too pure for you or anyone". Não há ninguém nessa sala

de janelas fechadas.Meu coração é um filme noir projetado

num cinema de quinta categoria. A platéia joga pipoca

na tela e vaia a história cheia de clichês. Meu coração

é um deserto nuclear varrido por ventos radiativos.

Meu coração é um cálice de cristal puríssimo transbordante

de licor de strega. Flambado, dourado.

Pode-se ter visões, anunciações, pressentimentos,

ver rostos e paisagens dançando nessa chama azul de ouro.

Meu coração é o laboratório de um cientista louco varrido,

criando sem parar Frankensteins monstruosos

que sempre acabam destruindo tudo. Meu coração é uma planta

carnívora morta de fome. Meu coração é um poço de mel,

no centro de um jardim encantado, alimentando beija-flores que,

depois de prová-lo,transformam-se magicamente em cavalos

brancos alados que voam para longe, em direção à estrela Veja.

Levam junto quem me ama, me levam junto também. Faquir involuntário,

cascata de champanha,púrpura rosa do Cairo, sapato de sola furada,

verso de Mário Quintana, vitrina vazia, navalha afiada,

figo maduro, papel crepom, cão uivando pra lua, ruína,

simulacro, varinha de incenso.

Acesa, aceso - vasto, vivo: meu coração é teu.  



Estou com medo de estar te amando...Tanto, tanto, tanto medo...

Tanto, tanto, tanto amor...Teu olhar esta noite é tão mudo

Penso que dirias ser um absurdo, alguém com medo do amor...
Por isso me uno mais aos teus lábios, me prendo mais entre tuas pernas
[Fiquei tantas vidas a tua espera!] Será que essa noite pode ser eterna?
Ouço teu coração batendo em harmonia
E era a voz da tua alma me chamando...

Que esta noite
quieta e estrelar te seja leve....Abraços!
Lucas



Escrito por Lucas às 20h20
[] []



 

Pulse (Pink Floyd)

 


 A simplicidade é o último degrau da sabedoria!...


 

Apesar das ruínas e da morte onde sempre acabou cada ilusão,

a força dos meus sonhos é tão forte que de tudo renasce a exaltação

e as minhas mãos nunca estão vazias...


 

 Eu sofro de mimfobia,

tenho medo de mim mesmo.

Mas me enfrento todo dia.

Não tem outro jeito

Meu médico disse:

 Que sou meu único remédio...

Então me tomo

Em pequenas doses

todos os dias...

Lucas


Porque a vida...

Porque a vida  só é possível reinventada....



 Sabes o que eu faço quando

 estou muito triste e cansado,
mas não consigo dormir?
- Eu componho um pranto.

Que a tarde te seja leve!

Abraços!!!!

Lucas 

 



Escrito por Lucas às 21h55
[] []



 

The Corrs (Dreanss) acústico

Além do jardim
moram os sonhos adormecidos 
Os pássaros engaiolados
Os golfinhos enamorados que ainda não se encontraram
A flor, o beija-flor
A abelha, o mel
Além do jardim moram os sonhos de cor doce
Os azuis, os lilases, os prateados.
A ventania do outono os levou junto às folhas secas
Soprou como quem varre um jardim 
de acácias cor de rosa que ainda não desabrocharam
Quantos sonhos estão lá! Ávidos por viver!
Fazem acordes, tocam flautas
enquanto esperam que os
ventos perfumados da primavera passem por lá
e os façam acontecer... 
Além do jardim...


Essa mania de acreditar nas pessoas é coisa minha.
Você não me enganou,
Fui eu quem me enganei ao seu respeito.


 

Sempre que a palavra poder lhe vier à mente, lembre-se do Sol e
de sua incontestável mansuetude:
Nasce e se põe em profunda quietude; move gigantescos sistemas
planetários,mas penetra suavemente pela vidraça de uma janela sem a quebrar.
Acaricia as pétalas de uma flor sem a ferir,
e beija as faces de uma criança adormecida sem a acordar.
Assim se expressa o verdadeiro poder:
sem ruído,  sem alarde, e sem violência .
Abraços! Lucas

 

 



Escrito por Lucas às 18h36
[] []



 



Não acredite em algo simplesmente porque ouviu.

Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito.

Não acredite em algo simplesmente porque esta escrito em seus livros religiosos.
Mas depois de muita análise e observação, se você vê que algo concorda com a
razão, e que conduz ao bem e beneficio de todos, aceite-o e viva-o.


Que jamais, em tempo algum,o teu coração acalente ódio.
Que o canto da maturidade jamais asfixie a tua criança interior.
Que o teu sorriso seja sempre verdadeiro.
Que as perdas do teu caminho sejam sempre encaradas como lições de vida.
Que a musica seja tua companheira de momentos secretos contigo mesmo.
Que os teus momentos de amor cntenham
a magia de tua alma eterna em cada beijo.
Que os teus olhos sejam dois sóis olhando a luz da vida em cada amanhecer.
Que cada dia seja um novo recomeço, onde tua alma dance na luz.
Que em cada passo teu fiquem marcas luminosas
de tua passagem em cada coração.
Que em cada amigo o teu coração faça festa,
que celebre o canto da amizade
profunda que liga as almas afins.
Que em teus momentos de solidão e cansaço,
esteja sempre presente em teu coração
a lembrança de que tudo passa e se transforma,
quando a alma é grande e generosa.
Que o teu coração voe contente nas asas
da espiritualidade consciente, para que
tu percebas a ternura invisível,
tocando o centro do teu ser eterno.
Que um suave acalanto te acompanhe,
na terra ou no espaço, e por onde quer que
o imanente invisível leve o teu viver.


Que o teu coração sinta a presença secreta do inefável!
Que os teus pensamentos e os teus amores,
o teu viver e a tua passagem pela vida,
sejam sempre abençoados por aquele amor que ama sem nome.
Aquele amor que não se explica, só se sente.
Que esse amor seja o teu acalento secreto, viajando
eternamente no centro do teu ser.
Que a estrada se abra à sua frente.
Que o vento sopre levemente às suas costas.
Que o sol brilhe morno e suave em sua face.
Que respondas ao chamado do teu Dom e encontre
a coragem para seguir-lhe o caminho.
Que a chama da raiva te liberte da falsidade.
Que o ardor do coração mantenha a tua presença
flamejante e que a ansiedade jamais te ronde.
Que a tua dignidade exterior reflita
uma dignidade interior da alma.
Que tenhas vagar para celebrar os milagres
silenciosos que não buscam atenção.
Que sejas consolado na simetria secreta da tua alma.
Que sintas cada dia como uma dádiva sagrada
tecida em torno do cerne do assombro.
Que a chuva caía de mansinho em seus campos...
E, até que nos encontremos de novo.
Que os Deuses lhe guardem na palma de Suas mãos.
Que despertes para o mistério de estar aqui
e compreendas a silenciosa imensidão da tua presença.
Que tenhas alegria e paz no templo dos teus sentidos.
Que recebas grande encorajamento quando novas fronteiras acenam.
Que este amor transforme os teus dramas em luz, a tua tristeza em
celebração, e os teus passos cansados em alegres passos de dança renovadora.

Que jamais, em tempo algum, tu esqueças da
Presença que está em ti e em todos os seres.
Que o teu viver seja pleno de Paz e Luz!



Vivemos num mundo cheio de miséria e ignorância.
O dever evidente de cada um de nós é tornar
o pequeno canto em que vive em algo menos miserável
e menos atrasado do que antes de sua chegada.
 


LUCAS




Escrito por Lucas às 14h40
[] []



 

 astral.jpg picture by Luca021 

Jamais saberei o que perdi ao longo dos trilhos

que abandonei para continuar por este que atravesso.

Onde me levariam esses caminhos em cuja entrada

tantas vezes parei procurando adivinhar

o que se ocultava para lá da curva,

onde a visão acaba e a fé começa.

Prostrado  pelo medo das pedras e das armadilhas,

guardiãs da felicidade prometida,

continuei pela vereda conhecida.

De longe mais segura. Até ter deixado de o ser.

Não há estradas sem pedras. Não há tesouros sem armadilhas.

Portanto, os sonhos os desejos é o querer

perder o medo de passar pelas pedras...

e lá na curva poder encontrar
tudo aquilo que desejarmos...

então é nesse dia que poderei te abraçar e
te dizer "
EU TE AMO"...

[fairybycelestialsylph.jpg]

A felicidade acontece quando a sua vida se encaixa com o que você é, 
quando se encaixa tão harmoniosamente 
que qualquer coisa que você fizer será pura alegria.
Então, de repente, você descobrirá que a meditação segue você. 
Se você ama o trabalho que está fazendo, 
se você ama a maneira como está vivendo,
então você está meditativo.
Então nada irá desviar você. 
Quando você se desvia de certas coisas, 
isso simplesmente demonstra que você 
não está realmente interessado naquelas coisas. 

OSHO

765365.jpg picture by Luca021

O Amor muda como  folhas das árvores no outono.

E se eu for capaz de entender isso, serei capaz de amar..

shadowyu.jpg picture by Luca021

Sou de uma existência onde o amor fala mais alto,

o coração bate mais forte, e as flores ainda tem perfume...

O vinho ainda tem sabor de nostalgia,

a vela queima de paixão e o violino toca suave

a melodia da noite..

fa11.jpg picture by Luca021

Estar amando é sentir o medo da entrega encorajadora.

É perceber-se pego em flagrante existencial,

no exato momento em que se roubava do próprio ser

o principal tesouro escondido.

É sentir-se marginal das próprias defesas.

É não controlar o ficar vermelho, o encabular em hora errada (certa).

Estar amando é viver em público

a autodenúncia do melhor de que se é capaz.”

Artur da Távola

fa12.jpg picture by Luca021

Cansado dos homens afasto as nuvens
Em busca de uma árvore onde eu possa
Beber em paz e em paz
Construir o meu ninho. Ali
No tronco mais silencioso da grande casa
Não sou cidadão de país nenhum
Pai de nenhuma família
Sou apenas o cão mais humilde
Do mundo que há para além do mundo
Onde se medem ao milímetro
O bem e o mal. Nesse pátio
já não estou afastei-me
Quando perdi o sentido do peso
E das medidas - quando alguém me disse
e eu vi
Que numa gota de vinho há dez mil anos
De amor solar.



Escrito por Lucas às 17h40
[] []



.

716061.jpg picture by Luca021

Numa flor azul, o reflexo do céu.
Numa flor  d´água, o reflexo

luminoso das galáxias
num girassol
vejo o Sol vibrando
como cordas de aço em si bemol
no meio dos mares
um atol
e os corais,

todos inteiros
siderais...

(Lucas)

f_a_n_t_a_s_i_e.jpg picture by Luca021

Eu sonho... e por detrás da minha atenção
sonha comigo alguém...
E talvez eu
também não seja senão um sonho
desse Alguém que não existe...(lucas)
12652.jpg picture by Luca021

 
Existe uma imensa distância
entre os teus olhos e os meus
Vem de longe, do mais distante mar, um frio que gela as mãos.
Dele emerge impossibilidades que penetra
os ossos e transcende tudo o que conheço.
Teus tons chegam-me raros
e não colorem todas as minhas células.
Dentro, uma noite, um vazio,
um vácuo sentido que ninguém preenche.
E essa parte ondeada e monocromática chega a doer.
Faz-me falta
tuas pestanas nas minhas
Quero o raiar das tuas cores pintando os meus sonhos
e o pulsar do teu coração juntinho ao meu
Quero-te, amor,
nos dias e nas noites
Quero
o teu oceano inteiro!
 
 LUCAS


Escrito por Lucas às 17h01
[] []



O baixista mais rápido do Mundo...


Jayen Varma , conhecido como o baixista mais rápido do mundo,

consegue tocar até 36 notas percussivas por segundo!
Neste video, podemos vê-lo e ação numa jam session

com o guitarrista Sumesh Parameswar.
A banda deles, os RagacatZZ, toca uma fusão

de raga indiano e jazz, eu adoro tudo isso!

A Música para mim foi sempre algo muito sério e delicado,

pois sempre preencheu uma lacuna mto especial na minha Vida.

Por muitas vezes ocupou o lugar triste dos meus vazio 

 resgatando-me de muitos buracos...

É definitivamente, uma linguagem muito antiga , e sem dúvida, seja ela,

talvez a primeira tentativa de comunicação do homem

através da sensibilidade do som. Muitas tribos ainda hoje,

concervam a tradição de emitir

o som dos seus tambores e também através de instrumentos de sopro

para se comunicarem umas com as outras .

Eles observam a direção em que vento sopra para que

o som se propague e seja levado com  mais rapidêz e nitidêz...

Bem... mas isso já é outra história para um papo mais longo!

Vamos ao som incrível deste menino indiano ai,

mete um gás na caixa e

ouçam  porque não vão

se arrepender... Abraços! lucas

di180.jpg picture by Luca021


Quando eu for verdade, insista na mentira.

É de contrariedades que se fazem os grandes momentos.
Quando eu for noite, que brilhe teu sol.
Os opostos se atraem, diz a sabedoria popular.
Não me imite, divirja.
Me enfrente!
Seja inverno quando eu for verão, prosa quando
eu for verso, amarga quando eu for chocolate,
meio quando eu for ponta...
Diferencie-se para complementar.
Fale, quando eu me calar.
E agora, pra começar,
não concorde...

 
[1bmp+copy_a.jpg]
HÁ MUITO TEMPO, NUM JARDIM MUITO, MUITO DISTANTE...
conheci uma florista que milagrosamente pousou o seu doce orvalho
brevemente sobre as pétalas coloridas da minha existência.
E mesmo com o pouco tempo que tinha sagrou-me com um perfume
semeado de amor selando para sempre o meu destino junto ao dela...
Hoje, vez ou outra, eu colho na memória o seu amoroso lótus-imagem
e me preencho de saudades...

fantasy1.jpg picture by Luca021

 

Há Rastros Do Teu Amor Nas Águas Fundas Que Me Banha A Pele
Há Sombras Na Lua Tua Que Se Disfarçam Nos Olhos Meus
Há Um Silêncio E Uma Noite Entre Nós
Há Cores Nos Longes Que De Saudades Acenam
Há Flores Em Frente, Ao Lado, No Caminho
Há Um Fio Infindo E Ardente

Há Sempre Uma Ligação Mesmo Que Não Queiramos Ver
Há Tantas Outras Coisas  que nem mesmo o tempo
vai querer nos fazer compreender...

272208.jpg picture by Luca021

Somos agora quase tudo no desconcerto da cidade
que nos proibe de ver crescer as flores
e constrói grades sobre grades
para esconder os nossos medos em fuga.
Não podemos explicar a passagem
do tempo no rosto dos dias porque há um túnel
sem espelhos a ocultar-nos a inocência.
Conivente com o círculo vazio
que me esconde de mim partirei amanhã.
Em volta do teu olhar não há sinais
de surpresa ou de suspeita.
Apenas um aceno tão lento como o teu ritmo de viver
me antecipa a anunciação de um silêncio absoluto.
Sim. Partirei
amanhã para aprender o idioma

das nascentes e escrever o teu nome
na água dos meus olhos.
Abraço! LUCAS



Escrito por Lucas às 15h34
[] []



A Linda arte corporal de Craig Tracy

 

 

tigre-pintura corporal-1

Olhando para este desenho de tigre, nem dá para imaginar

que essa arte  foi feita em corpo de mulheres,

resultando em um incrível trabalho de pintura corporal do

artista  americano de New Orleans ,Craig Tracy.

A bela pintura corporal faz parte de um projeto

chamado de ” The Last South China Tiger”

que tem por objetivo, tentar concientizar as

pessoas à protegerem os tigres da China.

Veja todo o processo de como foi feito o body painting.

Espero que apreciem...

Abraços! Lucas

tigre-pintura corporal-5

tigre-pintura corporal-3

tigre-pintura corporal-4

tigre-pintura corporal-2

tiger-pintura corporal-6

As pinturas coorporais (body paint) do artista americano Craig Tracy de New Orleans,

faz parte de uma coleção de pinturas surpreendentes.

Sua arte é demostrada no corpo de modelos que fundem em contextos inacreditáveis.

Craig Tracy, em vinte anos, já pintou centenas de corpos mas mesmo assim,

nunca encontrou uma “tela” tão desafiante quanto a superfície do corpo humano,

para expor sua arte coorporal. Pois, com as diferenças dos corpos e suas intrigantes formas,

as possibilidades ce criações são infinitas.

Aprecie a galeria com as belas pinturas corporais que

são verdadeiras ilusões de ótica de Craig Tracy.

Abaixo mais alguns trabalhos do cara...

http://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-18.jpg

http://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-17.jpghttp://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-15.jpghttp://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-16.jpghttp://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-3.jpghttp://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-2.jpghttp://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-1.jpghttp://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-6.jpg

http://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-5.jpghttp://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-4.jpg

http://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-8.jpghttp://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-7.jpg

http://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-12.jpg

http://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-11.jpg

http://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-10.jpg

http://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-13.jpg

http://bocaberta.org/wp-content/uploads/2009/11/pintura-corporal-body-painting-14.jpg



Escrito por Lucas às 14h39
[] []



Taxidermia

Taxidermia

  •  O termo geral que descreve os diversos métodos de reprodução
  •  e representação tridimensional de um animal
  • para exibição permanente é Taxidermia.
  • A pele (incluindo as peles, penas ou escamas) do espécime
  • é preservado e montado sobre uma armação artificial.
  • Em outros casos, o modelo é reproduzido totalmente
  • com materiais criados pelo homem.
  • Seus registros mais antigos remontam ao império egípcio,
  • a cerca de 2.500 A.C.
    A palavra “taxidermia” é derivada de duas palavras gregas antigas;
  • táxis, significando movimento, e derma, que significa pele.
  • Por isso, vagamente traduzido, taxidermia, a deslocação de pele.
  • A taxidermia incorpora muitos ofícios, tais como carpintaria,
  • curtimento, moldagem e vazamento.
  • Envolve conhecimentos de diversas áreas além da Biologia, como:
  • Química, Anatomia, Comportamento, Ecologia, Artes Plásticas, entre outras.
  • Requer  talento artístico, incluindo a arte da escultura, pintura e desenho .
    Obras de taxidermia são exibidos em muitos lugares, mas especialmente em museus,
  • onde complementam uma cena, e passam a fazer parte de um diorama. 
  • Veja alguns exemplos abaixo... 
  • Abraços! Lucas

Que a tarde te seja leve!

Abraços! LUCAS



Escrito por Lucas às 16h15
[] []



Olha que legal! Coloque o mouse em cima da imagem

e os peixes todos serão atraidos por ele.

O mesmo acontece com as tartaruguinhas!

 

Abraços! Lucas

Achei super legal este programinha e divido com vc!
O site é japonês , mas é bem fácil de usar o programa...
Fiz numa foto minha postada ai abaixo pra vc ver.
Fica parecido com aquelas imagens antigas.
Tenha uma boa tarde! Abraços! Lucas
 É bem rapidinho: basta escolher uma foto e clicar.

A foto fica super old.

Clike no link abaixo!

Link: 幕末古写真ジェネレーター

 



Escrito por Lucas às 13h49
[] []



Viver é a arte de passar pelas frestas...

Bons amigos são aqueles que nos instruem na fé,

empenham-se conosco para aprofundar nossa prática e estudo,

e trabalham em harmonia conosco para o avanço da Paz Mundial.

"...E quando estiveres perto eu arrancarei teus olhos
e os colocarei no lugar dos meus,
e tu arrancarás meus olhos e os colocarás no lugar dos teus;
então eu te olharei com teus olhos
e tu me olharás com os meus..."
(Clarisse Lispector)


O maior segredo da vida - nunca te esqueças disto - é que a vida é um dom.

Não é algo que mereças ou a que tenhas direito.

É algo que te foi dado e não que ganhaste. Sente mais e pensa menos ...

Quanto mais sentires, mais consciente te tornarás do segredo da vida

de que não é preciso fazer nada, basta estar disponível.

Basta estar disponível para que tudo venha até ti. 

É preciso ter paciência.

Deixa que a vida aconteça, não a tentes forçar.

 

Muito freqüentemente, nós subestimamos o
poder do carinho, de um sorriso, uma
palavra amável, um ombro amigo, dar
ouvidos, um elogio honesto, ou o menor
ato de dedicação, pois todos têm o poder
de transformar uma vida.

Quando você elimina o impossível,

o que sobra por mais incrível

que pareça só pode ser a verdade.
(Miguel de Cervantes)

Gosto de olhar a curva do teu sorriso.
A tua boca fechada sobre a paisagem.
Os teus olhos rasgados a fazerem-se à foz
e as mãos fechadas – tão musicais –
a procurarem abrigo por dentro dos dedos.
Gosto do teu corpo no espasmo da pele
o mergulho na liberdade de entardecer
no instante do silêncio das coisas.
Gosto de te olhar, de te olhar, de te olhar.
E voltar a olhar-te como se nunca te tivesse visto
para me demorar a conhecer-te os gestos
o espanto e a memória no longo prazo de uma saudade
e ganhar asas pequeninas e desasossegadas.

Nenhuma cadeia é mais forte do que o seu elo mais fraco.

(Osho - O Homem que Amava Gaivotas)

Seja como as ondas do mar
que mesmo quebrando contra os obstáculos,
encontram força para ... RECOMEÇAR...


O irreal é mais poderoso que o real.
Porque nada é tão perfeito como tu és capaz de imaginar.
Porque são só as ideias intangíveis, conceitos, crenças, fantasias que duram.
A pedra esfarela-se.
A madeira apodrece.
As pessoas, bem, essas morrem.
Mas coisas tão frágeis como um pensamento, um sonho,

 

uma lenda, essas continuam para sempre.
Se conseguires mudar a maneira como as pessoas pensam, dizia ela.
A maneira como elas se vêem a si próprias.
A maneira como vêem o mundo.
Se fizeres isso, consegues mudar a maneira

como as pessoas vivem as suas vidas.
E isso é única coisa duradoura que podes criar.

Aproxima-te mais.
Tenta sentir do que um abraço é capaz.

Quando bem apertado,
ele ampara tristezas,
sustenta lágrimas,
combate incertezas,
põe a nostalgia de lado.

É até capaz de amenizar o medo.
Se for cheio de ternura,
ele guarda segredos,
e jura cumplicidade.

Um abraço amigo de verdade
divide alegrias
e se apraz em comemorações.
Abraços são pequenas orações
de fé, de força e energia.

Olha para o lado:
há sempre alguém que quer ser abraçado
e não tem coragem de o dizer.

Enlaça-o.

O pior que pode acontecer
é ganhar de volta um sorriso de carinho,
ou, quem sabe, uma palavra sincera.

Tu vais descobrir que ninguém está sozinho
e que a vida pode ser um eterno céu de Primavera.

Basta-me um pequeno gesto,
feito de longe e de leve,
para que venhas comigo
e eu para sempre te leve...
(Cecília Meireles)

TENHA UM
BOM DIA!    lucas

  



Escrito por Lucas às 09h33
[] []



Eu preciso da sua graça, do toque seguro

das tuas mãos... 

Para me lembrar

De achar a mim mesmo...

Pois Tudo o que eu sou

Tudo que já fui um dia

Está aqui nos seus olhos perfeitos,

E eles são tudo o que posso ver....

A minha janela sempre esteve à mesma distância da tua,
 quando os nossos olhares se cruzaram.
A minha janela sempre esteve à mesma distância da tua, 
quando partilhámos sorrisos.
E todos os dias, ao final da tarde,
tu estás na tua, eu estou na minha.
Gosto da forma como mexes no cabelo e gosto,
quando ao sair da janela te afastas
e vejo um pouco mais do teu corpo.
Gosto quando à noite apagas a luz
e eu apago a luz e depois tu acendes
e eu também e os nossos olhares trocam
por detrás do vidro um último relance do dia.
A tua janela sempre esteve à mesma distância da minha,
mas ás vezes nós estamos 
tão próximos como um beijo
tal como uma caricia sabe tocar no céu...
 
 
Buenas!
Se decidires entrar na minha vida, que seja pra somar.
E não venha achando que eu mudarei por sua causa,
ou por seja lá por quem for...
Se eu um dia mudar por alguém,
só o farei por uma pessoa: Eu mesmo!
Não venha pensando que rirei mais baixo,
dançarei menos e não abraçarei meus
bem poucos amigos bem apertado... Esse sou eu! 
É... talvez você me diga que sou independente demais,
que tenho muitos amigos, que falo pra caramba.
Mas estás enganada, não tenho muitos amigos
e adoro o som sereno dos silencios... 
Eu trabalho,  e pago minhas contas desde os 15 anos.
E tenho tentado muito ser feliz!
E, se vc entrar na minha vida,
venha pra me fazer ainda mais feliz.
E quando diz que me adora?
E quando diz que mudei sua vida pra muito melhor?
E quando diz que sou o seu presente?
Está falando de quem?
De mim ou de quem você quer que eu seja?
Acha que não entendo suas idéias...
Mas veja que pelo menos eu as respeito.
E que estou aqui, ainda, tentando mostrar
que não precisamos enxergar a vida da mesma forma.
Que há sempre um meio termo,
onde pessoas de criações e mundos distintos
podem construir seus sonhos em comum.
Somos diferentes sim,
e se você quiser algum dia 
alguém exatamente como você,
que fique com seu espelho.
Porém sua vida será um tanto triste
porque as pessoas estão entre-ligadas
umas as outras
e o amor , mesmo de qualquer modo
é um elo de conecção e
será sempre uma boa escolha...
Precisamos uns dos outros...
Abraços no coração!
LUCAS
 

Seja mais carinhoso do que o necessário, pois todos que você conhece
estão, de alguma forma, enfrentando uma batalha...

É preciso mais do que urgente,

que as mãos se unifiquem...

Tenha um gostoso

 finalzinho de tarde!

Paz na caminhada e fé em Deus...

Abraços!

Lucas



Escrito por Lucas às 18h24
[] []



 
Talvez eu seja assim...
e se não for, um dia,
há de ser...

como a noite

de olhar atento
sobre um corpo amado
que se arrasta aflito
sob os lençóis
ou então
como um dedo médio
inquieto
entre todos

o escolhido
o remédio
o alívio
para os teus lábios úmidos
em combustão...
 
937728.jpg picture by Luca021
 
Senhor, perdoe-me!
Mas ela deitou-se a meu lado
E cheirava a maçã como no dia
Em que o primeiro pecado
Furava a terra e nascia
como semente tenra,
o melhor dos prazeres.
Era preciso lutar bravamente,
para ignorar o desejo
abstrair as tentações
do cheiro do corpo que via...
E era como um pomar!

Senhor...
eu então comi...
 
 Eu quero saber...
Não me interessa o que você faz para viver,
eu quero saber o que de fato você busca
e se você é capaz de ousar sonhar
em encontrar as aspirações do seu coração.
Não me interessa a tua idade.
Eu quero saber se você será capaz
 de se transformar num tolo
para poder amar, viver os seus sonhos,
aventurar-se de estar vivo.
Não me interessa qual o planeta que está
em quadrante com a tua lua.
Eu quero saber se você tocou o centro
da tua própria tristeza, e se você
tem sido exposto pelas traições da vida ou se você
tem se contorcido e
se fechado com medo da própria dor.
Eu quero saber se você é capaz de ficar com a alegria,
a minha e a sua.
Se você é capaz de dançar loucamente
e deixar que o êxtase te envolva
até a ponta dos dedos dos pés e das mãos,
e sem querer nos aconselhar a
sermos mais cuidadosos, mais realistas
ou nos lembrar das limitações de ser humano.
Não me interessa se a história que você
está me contando é verdadeira.
Eu quero saber se você é capaz de desapontar
o outro para se verdadeiro consigo mesmo.
Se você é capaz de escutar a acusação de traição
e não trair a sua própria alma.
Eu quero saber se você pode ser confiável e verdadeiro.
Eu quero saber se você pode ver a beleza,
mesmo quando o dia não está belo,
e se você pode conectar a sua vida
através da presença de Deus.
Eu quero saber se você é capaz
 de viver com os fracassos,
os teus e os meus,
e mesmo assim se postar
 nas margens de um lago
e gritar para o reflexo da lua, "SIM"
Não me interessa onde você mora
ou quanto dinheiro você ganha,
eu quero saber se você é capaz de acordar
depois da noite do luto e do desespero,
exausto e machucado até a alma,
e fazer aquilo que precisa ser feito.
Não me interessa o que você é,
 ou como você chegou aqui.
Eu quero saber se você irá postar-se
no centro do fogo comigo e não fugir.
Não me interessa onde,
o quê ou com quem você estudou.
Eu quero saber o que te sustenta interiormente
quando tudo o mais desabou.
Eu quero saber se você é capaz de ficar
bem consigo mesmo, e se você
realmente é boa companhia
para si mesmo nos momentos vazios. 

  
(Oriah, Sonhador da Montanha, Ancião Indígena)
 

Se me perguntares quem somos, eu responder-te-ei!

Sei de cor, de trás para a frente, de frente para trás

e de todas as formas que conseguires

 enumerar, o nosso amor.

Sei deste amor, como sei em quantos

 arco-íris se desdobra o céu,

e em que ponto começa e termina cada estrela,

 quantas faces tem a lua, que são muitas

 mais que as que imaginas…

e muito, muito mais haveria para dizer.

Mas todas as palavras possíveis seriam pouco

para descrever um amor tão certo e evidente.

Sabemos hoje deste amor, e um do outro,

 o que muitos não encontram em si

durante uma vida inteira

E então há em meu corpo as pegadas do teu,

a intensidade luminosa e desmedida

do teu olhar sobre minha pele,

os rastros das tuas mãos em minhas pernas,

o leito da tua saliva em minhas costas,

o caminho da tua boca pela minha carne.

Há em mim um campo arado pelo teu corpo

onde a terra viva recebeu a chuva,

onde sementes adormecem

nos mistérios mornos do mundo,

onde nascem brotações novas

impregnadas de vida.

E eu sou  graça, segredo

mistério e espanto que arde,

eu sou de mim novidade e regresso,

porque era em ti

que eu sempre quis nascer,

muito antes entender

que virias cedo ou tarde,

desta maneira entre a amplidão

dos espaços vazios...

entre os súbitos regressos

do teu ser...

entre a paz que dorme na carne

e o aconchego terno dos teus braços.

No momento em que nos comprometemos,
a providência divina também se põe em movimento.
Todo um fluir de acontecimentos surge ao nosso favor.
Como resultados da atitude, seguem todas as formas
imprevistas de coincidências, encontros e ajudas,
que nenhum ser humano jamais poderia ter sonhado encontrar.
Qualquer coisa que você possa fazer ou sonhar,
você pode começar. A coragem contém em si mesma,
o poder, o gênio e a magia... Acredite com o coração...

Que a tarde te seja leve! LUCAS 

 



Escrito por Lucas às 17h52
[] []



 
E agora isto,
um envelope aberto a sair da boca
como se a carta, que nunca
me chegou viesse de um lugar anônimo.
E da devolução, dizia:

As palavras seladas de lacre e cuspe,
eu devolvo-as como a fome da minha alma.
Esta carta que é uma voz desfeita e presa no papel,
da cor da minha língua, apertando a folha
com os meus sentidos,
eu devolvo-a como a carne e o meu sangue.
O cio da página em branco atrai
 o calcário das mãos trêmulas
da falta que me fazes e
eu devolvo-lhe como as águas
desprendidas dos meus olhos...
 
 
A poesia navega num barco azul, sob
a obscura linguagem secreta das flores.
Com suas cores, seus cheiros peculiares...
e o coração é apenas seu vasto lago... (lucas)
 
Estou sentindo uma clareza
tão grande que me anula
como pessoa atual e comum:
é uma lucidez vazia, como explicar?
assim como um cálculo matemático
perfeito do qual, no entanto, não se precise.
Estou por assim dizer vendo claramente o vazio.
E nem entendo aquilo que entendo:
pois estou infinitamente maior do que eu mesma,
e não me alcanço.
Clarice Lispector
 
Somos sempre tão pouco claros, porque
mal tentamos ser completos...
É muito bom e gratificante saber que temos dois caminhos,
 e escolher o melhor é sabedoria pura...
A mão aberta é a porta pra dar e receber...
Um ser humano sómente se constrói
na sua integridade dentro da verdade...
Faça , ajude, auxilie e construa sempre
tudo o que está ao seu redor
O SEU simples é o seu MELHOR ,
e é tudo que você possui ...
 

O infinito imita uma mistura entre o barro e o sangue,

 num trânsito de pontes sem estacas nem causas.

 perfis de aço sobre as águas. Nada está firme

neste mundo em movimento...

Nem mesmo o nosso amor tão intenso

tão frágil, tão vão...

O belo cai a pique como um lírio.

E colho-te, imperfeita.

Como eco que te adivinha, convoco o vento

para nos ser espelho.

O belo passa a sobressalto.

Eu já nem me vejo mais

porque me tornei

grande parte de você...

Um grande Abraço!

 

               LUCAS



Escrito por Lucas às 19h31
[] []



Se me ponho a juntar
todos escritos de gozos, de dores
raízes de abraços e beijos prometidos,
Mas eu bem sei:
não é apenas saudade
ou mesmo de lembranças provisórias
a dor que me cerca
é algo mais forte
que o tempo ou a distância
que mede as coisas do infinito,
não me alivia, nem me basta...
Não me completa por que algo
está oco e me deixa vazio...
Então me escuta...me diz! 
Aonde anda o pedaço
que me falta
e que levastes
no teu último voo...

O que hoje recebes

e não podes pegar, guardar

em panos e papéis laminados,

é imperecível,

presente onipresente.

Estás com ele na chuva

e não temes que se desfaça.

Estás com ele na multidão

e não o escondes dos mutilados.

O que não existe para os homens

deles estará protegido,

o que os homens não vêem

não poderão espedaçar.

Eis o que não te denuncia

porque não tem face

nem volume para ser jogado no mar.

Eis o que é jovem a cada lembrança

porque não tem data

e série, para envelhecer.

O que hoje recebes

não pode ser devolvido.

 
Entre a inocência dos dedos do menino
e o revólver na mão do assassino,
há sempre um espaço de nada,
um trágico destino.
Nem escola, nem casa,
nem terra, nem pão.
 Quando a inocência
dos dedos do menino
se quebra na mão engatilhada
 do assassino,
perde-se a paz,
 porque um homem escapou
 de seu menino...
Tão longo e distante sempre o caminho
das procuras inúteis,
tão simples e próximos os caminhos que sonhamos,
porque estão dentro de nós...
E porque será que nunca o encontramos???
Porque para chegar-mos ao encontro destes caminhos,
é preciso primeiro encontrar a nós mesmos,
passar por cima de ressentimentos, egoísmos, orgulhos, mentiras
enganos, concerder a nós mesmos o perdão.
Então seremos finalmente Livres
e merecedores do Espaço Infinito AZUL do Céu...
estaremos então com as asas firmes
e radiantes para o nosso
mais perfeito voo,
ao encontro
de Deus... (lucas)
 


Escrito por Lucas às 18h57
[] []



-DUAS LUAS-

 As manhãs vêm nas asas de um pássaro azul
No canto de uma doce e suave brisa
Desperto sol que no celeste viajou
No vago que resta de uma noite de magia
As águas na sua eterna viajem
Correm ao encontro do mundo
Uma voz solta uma curta melodia
Ao encontro do meu mais profundo
Para onde correm os teus anseios?
Pisas o poço das recordações incontidas
Procurando em cada instante
A ternura envolta em mágoas perdidas
Em um olhar sentes a paixão
Um sorriso cobre o mundo de cor
Voa um abraço no tempo
À procura do teu eterno amor
Talvez não queiras o amanhecer
Não vejas as cores derramadas por um deus
No espaço intermédio entre o conflito e a tua alma
Trina a paixão, densas nuvens, soltos véus
Este surdo grito atravessa toda a ilha
Agita a última maresia que repousa na pedra
Um clamor emerge da húmida terra
Bate um coração escondido na espera
Agita-se a ilha, acorda a vida
Olhos presos, alma nua
A terra disputa uma perdida gota de orvalho
Solta dos olhos de uma triste lua
Duas luas são os teus olhos
Dois rostos tem, a saudade
Dois actos, tem a peça de nome paixão
Nenhum aplauso dura...a eternidade...

Abraços!

Lucas



Escrito por Lucas às 20h23
[] []



 

Quisera ter a capacidade
de transformar sentimento
em letra e assim, desfiar
as palavras que a alma,
aflita, não sabe explicar.
Quisera ter a capacidade
de retroceder, guardando a
sabedoria que o tempo
se encarregou de estocar.
Quisera ter a capacidade
de verter todas as lágrimas
num só instante e, assim,
abrir espaço para o coração
voar leve pelas lembranças .
Quisera ter a capacidade
de resgatar todos os beijos,
todos os abraços
daqueles instantes de entrega
plena e absoluta de quem ama
além da vida.
Quisera ter a capacidade
de realizar o irrealizável
e te trazer de volta
num breve instante,
para uma vez mais
me ver em teus olhos ,
e te dizer baixinho:
tu és o amor da minha
VIDA!

Abraços!

Não te deixes levar pelos

movimentos oculares rápidos, esse

manancial de fábula e engano.

Quanto do Sonhar não passa

e um delírio que deixa resíduos

nas pálpebras! E no entanto,

eu te digo: sou daqueles que

nasceram com a fronte marcada,

em mim o Sonhar esfumou as fronteiras

entre céus e terras, corpo e alma

e todos os reinos intersticiais.

Quando acordo, tenho marcas por

toda parte e nunca sei o quanto

de mim deixei na terra das sombras.

Tenho, por exemplo, nas pontas

dos dedos um gosto de auroras;

algumas estrelas tatuadas na

noite escura da alma; sardas

salpicadas pelas colinas num torso

a desmanchar-se de brancura;

a Via Láctea disposta e alojada

entre as costelas de um visitante;

a persistência de azuis aéreos

explodindo no céu da boca;

tempestades de areia traçando

arabescos e enigmas convidativos...

Talvez por isso, não ousei, nunca,

duvidar do monumento a que

chamei - a Vida Verdadeira. Assim

eu nos vejo quando sonho. Tu

estás comigo, não como "deverias",

não a estupidez de uma utopia.

Estás comigo inteiramente, com

todas as colunas do Templo restauradas,

com todos os Paraísos reconquistados,

bem visíveis os termos da equação.

E ao despertar, o monumento

se confirma na largueza dos céus,

nas pinceladas da aurora,

na gravidade dos ventos: somos nós.

Os corpos já tocados pelo outono,

as almas educadas nas veredas,

as mãos firmes, delicadamente

portando as chaves de um reino

cujo tempo chegou, e nós sabemos.

 

        Abraços!  LUCAS



Escrito por Lucas às 14h26
[] []



Bela como uma noite linda;
Um céu com mil encantos...
Em tudo és bela, em tudo és pura!
Em tudo um eterno encanto,
E o olhar um céu tão belo
Com mil estrelas douradas.
Sonhei com a beleza de um mundo encantado,
E nele, encontrei-te.
És tão bela como as estrelas,
E meiga como o luar.
Em noites tensas e silenciosas,
És uma linda estrela adormecida,
A enfeitar uma vida que te ama...
Tu és um tesouro
Jóia de real valor,
Tu és a mais bela das pessoas,
Um anjo de asas leves,
A encantar um céu de mil flores
Num jardim.
Um amor para a vida...
És tu meu amor!

Que a noite remeta estrelas em tuas vidraças...

Abraços!

Lucas

A paixão é uma faca de muitos gumes: move o mundo,

 promove mudanças e revoluções, é propulsora de impulsividades em geral,

 sejam elas viagens, cortes de cabelo ou crimes sangrentos.

 Ser passional é qualidade e defeito, é elogio e maldizer,

 tudo depende do ponto de vista do ouvinte e da entonação do dizente.


Porque paixão todo mundo tem - ou quase, que seja.

 Quase todo mundo experimenta a paixão,

 mas quase ninguém a vive no limite, a embute no cotidiano,

 a ponto de nem entender a vida sem ela.

 Gente pra quem o dia-a-dia é um disco arranhando

 de tanto repetir se não tiver paixão.

 Gente pra quem a paixão é o motor de tudo, seja pra trepar,

 pra trabalhar ou lavar o chão: nada passa batido, nada é ligeiro,

 tudo é intenso e manchado pela força da paixão.

Daí pode-se deduzir que quando essa gente se apaixona

 é de tremer o chão e incendiar as estrelas.

 Porque se a paixão pelas coisas em geral é fundamental,

 quando o alvo dela é gente é melhor sair de baixo,

 sair da frente, que tudo fica maravilhoso e incontrolável.

 Quem tem medo de intensidade não agüenta nem um mês.

 Sei lá acho que nem isso...

 Quem gosta da coisa, e portanto é tão passional

 quanto o apaixonado em questão,

 devolve na mesma medida, e aí é crise na certa.

Paixão: haja sanidade pra encarar o furacão.

Abraço! Lucas



Escrito por Lucas às 18h06
[] []



 

Germinam anceios, inquietudes deslumbramentos.

 Serenitude...em meus sentidos. 

 Roçam-se na magia de nossas peles, afagos constelados.

 Cobiçam. Tocam-se os dedos todos na folia do prazer.

Flexionam os cílios nos olhos do desejo.

Profetizam destinos entre as vagas das delícias.

Gotejam beijos. Confundem-se línguas.

 Procuram-se no êxtase.

 Anjos anunciam. É noite de Lua Nova.

E ela dança o Amor no céu deslumbrante

com seu melhor vestido bordados de raios de prata... 

Chovem estrelas...

enquanto minha boca

 espera a tua...

(lucas)

Ás vezes tenho medo...

talvez de que a vida passe depressa demais.

Porque ultimamente tem sido realmente bom viver.
apesar de todas as marcas profundas
que os dias cavam na minha carne...
Precisei hoje fazer listas do que
 será da minha vida depois de amanhã.
E será muita coisa.
do simples ao pequeno...
tudo que há essência e sentido
tudo o quer jamais pode ser perdido
porém ás mais importantes...
Por isso não posso desperdiçar. (lucas)
 

é gostoso descobrir que há
uma maneira de ser que é só minha.
E que me cabe um sorriso imenso
por esse motivo recém-descoberto
num cantinho isolado,
do brilho mais luminoso
dos meus olhos...(lucas)
 
 
Eu diria que há um pouco de quase tudo em cada ser.
E em mim, que sou como qualquer um,
apesar de único...
há um pouco de tanta coisa também.
Há um pouco de alma, um pouco de certeza,
um pouco de lembrança, de vontade,
de fúria, intensidade e leveza, ciúme e calmaria.
Há um pouco de todos que por mim pasaram,
e há pedaços de longas conversas, de viagens, e andanças
pela vida a fora, bem guardadas na minha memória.
Há um carinho secreto com destino certo.
Há uma centena de delicados beijos com sabor
da minha alma,
que só a ela entrego.
Há um pouco do que ficou marcado,
há um tanto de espera pelo que há de vir.
Há uma saudade sempre acumulada.
Há paixão que não explica.

Há um excesso de amor,
há amizade pra vida toda,
e há cor... muita cor.
Mas perdoa-me
se ás vezes me faltam as tintas...
se a tela dos dias me apagam os olhos
e se me escapam das mãos os pincéis...
Boas Vibrações!
Lucas


 


Escrito por Lucas às 22h53
[] []



Hoje morri no meio de tarde,

alheio aos risos das crianças.
morri de beijo perdido.
e nunca mais voltei... 
meus olhos agora, horas a fio,

fitam o azul cinza e triste do céu

para que a voz de algum vento

ou as asas de algum anjo

te encontre e leve algum sopro de brisa ao teu rosto

que acaricie os teus cabelos e te envie o meu sinal.
Hoje morri sem avisar.
enquanto despia a minha fantasia

de rendas em frente ao infinito mar

que sempre recusas a me levar para passear...

a você rainha de luz,

hoje fiquei devendo um jasmim branco.
não sei se pago amanhã,

Apenas sei que mais uma vez - em nome da beleza! -
volto a ser este mesmo dia: a ser levado
pelas mãos frias da indiferença,

pela distancias das nossas mãos.

E peço do fundo da minha alma,

que o sopro breve de  uma andorinha triste.
possa pronunciar o meu nome em teus pensamentos
morri enquanto morria.

Pois morro sempre enquanto você não vem...

Te desejo muitas estrelas

e um rastro de luar brilhante

para que tua noite seja mais bela

abraços! Lucas 

Quando você diz uma verdade, ela se sustenta por si.

Mas quando diz uma mentira,

precisa de mais duas para suportá-la.

 Falar a verdade custa bem menos do que mentir.

 A energia que se gasta falando

 até as verdades mais doloridas,

chocando espíritos despreparados para o sublime,

 (e agüentando as conseqüências)

 essa energia acaba sendo muito menor

 do que aquela que se gastaria para

suportar nos dois principais sentidos

 uma relação morna e desgastante,

 baseada na mentira,

 na dissimulação, na hipocrisia,

e por isso mesmo quase sempre insuportável.
Sei que às vezes alguém pode

querer manter uma relação,

que parece importante, e precisa mentir

para que ela não se quebre.
Tudo bem que assim seja.

Mas é preciso questionar

 até que ponto vale a pena manter

 uma relação que não permite

a existência da verdade.
Fico pensando.
Quando pequeno, diziam-me que Deus

escreve no livro da minha vida

todas as coisas que eu fazia,

e que, no dia do Juízo Final,

 tudo seria revelado. Nada seria mantido

 em segredo mesmo aquelas coisas lindas

 que fiz no escuro do meu quarto,

 de portas fechadas e mãos deliciosas,

 cheias de creme. Só não me disseram que

 as páginas desse livro estão guardadas

 na minha própria cabeça.

 E que o Deus que escreve nelas sou Eu.


A tinta é indelével: nada vai se apagar.

Serei condenado pelas verdades

 que tive medo de dizer,

mas serei absolvido pelas verdades que eu gritei.


A hipocrisia me jogaria no abismo do inferno

 mas a espontaneidade me salvará.

Por isso é que eu digo:  Deus vê tudo o que você faz.

 Porque Deus está lá, onde está teu coração

 Se você agir certo, será recompensado por teus atos.

 Não é preciso contar pra ninguém: Deus está vendo.

 Mas, se agir errado, se você for injusto,

 cruel, insensível, hipócrita, ciumento

o Deus que te habita com certeza vai te foder.

Mais cedo ou mais tarde, ele vai te foder!
Desse Deus nada se oculta.
 Absolutamente nada.

Não adianta fazer nada escondido, Deus está vendo!

Essa é a metáfora mais criativa da mitologia cristã: Deus é Você,

 e nada do que faz pode ser feito sem que você mesmo saiba.

 E quem registra tudo no teu livro é você — que é Deus!

 Se contrariar a tua própria natureza, você mesmo

é que vai registrar esse pecado no teu livro.

Se disser uma mentira, não é preciso

que os outros a descubram:

já está registrado...


Me parece que nasci e vivi muito tempo e errei pelas cidades,

 as florestas e os desertos, e estive durante muito tempo

 à beira dos mares em lágrimas diante das ilhas e penínsulas

 onde vinham brilhar, à noite, as pequenas luzes amarelas

 e breves dos homens e toda a noite os grandes fogos

 brancos ou de cores vivas que vinham até as cavernas

 onde eu era feliz, deitado sobre a areia ao abrigo dos rochedos

 no perfume das algas e da rocha úmida ao som do vento

 das vagas me açoitando com espuma ou suspirando sobre

 a praia mal tocando os seixos do chão,

 não, feliz não, eu nunca fui isso,

 mas desejando que a noite não acabasse jamais

 e nem voltasse o dia que faz os homens dizerem, vamos,

 a vida passa, é preciso aproveitar. Aliás, pouco importa

 que eu tenha nascido ou não, que eu tenha vivido ou não,

 que eu esteja morto ou apenas moribundo, vou fazer

 do jeito que sempre fiz, na ignorância do que faço,

 de quem sou, donde estou, se é que sou.

Que a noite te seja Leve!

 O que não podemos discutir, devemos ignorar em silêncio.

lucas

Foto tirada pelo meu filho Yago, Lago São Bernardo-S.Frc. de Paula-RS (12/10/2008).

As minhas noites são sempre muito ricas.

uma pena eu amanhecer sempre pobre.

(lucas)


 



Escrito por Lucas às 16h59
[] []



 Sim eu estive lá!

E o nada é repleto de sons desmanchados onde o que paira diante dos olhos

 e ao alcance dos dedos, são figuras inanimadas de nós mesmos...

Coisas ocas, coisa mornas... E iluminadas.

Vi um anjo passando.. Espere!!  Outro anjo...assim parecido,

muito parecido com vc...

Atravessando a rua e o tempo, chego ao outro lado

sem contar os passos por que sei onde a rua vai dar...

já estive lá outras vezes num infinito passado...

Existe lá, no nada, um estado em que as coisas todas tem alma;

 uma flor ao vento ou vagalumes na escuridão podem muito bem ser

a beleza que sempre imaginamos existir na simplicidade

das coisas...

Tudo está em plena ordem mas uma coisa ainda incomoda;

 Meu coração não para de bater e depõem em favor da tese

 que afirma que tudo é finito, inclusive a minha e a tua alma...

Isso incomoda e faz pensar.

Tuda passa por mim em um estado de goso e furtiva alegria.

 Conservo-me calado e de bom humor, não mostro os dentes...

Aguardo um beijo que me ofereça o que peço.

Hoje aprisionei o tempo
Numa simples gota de orvalho
Pedi à lua, roguei às estrelas
Encontrassem teu coração magoado

Secretamente recolhida na noite
Delicada gota com a luz da ternura
Fiz calar a voz do sentido pranto
Ribeiro que transporta a água mais pura

Os murmúrios de uma história secreta
Pararam na parte em que estavas feliz
Uma flor depositou no vento a semente
Leva a cor que com tua alma condiz

Denso aroma de laranjeira
Parei a dor e a saudade
Retive um radioso sorriso teu
Para adornar a eternidade

Será que parei também a eternidade?
Teus olhos fechados reverberam a luz
Todos os caminhos têm um sonho
A brisa na sua passagem o teu coração seduz

Um aguaceiro ficou suspenso
O dia parou radiante
Detida a maré do desencanto
O mundo ficou cintilante

Um beijo ficou aguardar
Um abraço suspenso no ar
Uma errante nota parou no sopro
Um barco aguarda o navegar

Dormi tranquilamente sobre o vento
Coberto por este adormecido encanto
Dias, campos e estações esquecidas
Moldei meus sonhos no riso e pranto

Uni as ondas em aconchego
Pela terra da tua lembrança fiquei
Soltei o tempo no crepúsculo do pensamento
Juntei os perdidos sonhos que um dia te…dei…

)

 

 Amores são loucos, intensos,vastos, salsas, merengues,

bossas, BLUES e tangos.
Amor é, acima de tudo, choro. (lucas)
 
Esta é a maldição da raça humana. Sociabilidade.
Cristo assim teria dito: "É, na verdade, sempre que dois ou três
 de vocês se juntam, algum outro vai perder a merda da vida."
 Precisarei lhe dizer o que a sociologia nos ensina sobre a raça humana?
 Eu lhe direi isto em poucas palavras.
 Mostre-me um homem ou uma mulher solitários
e lhe mostrarei um santo. Dê-me dois e eles se apaixonarão.
 Dê-me três e eles inventarão essa coisa
encantada que chamamos de "sociedade".
 Dê-me quatro e eles construirão uma pirâmide.
Dê-me cinco e eles transformarão alguém num pária.
 Dê-me seis e eles reiventarão o preconceito.
 Dê-me sete e em sete anos eles reinventarão a guerra.
O homem pode ter sido feito à imagem e semelhança de Deus,
 mas a sociedade humana foi feita à imagem e semelhança
de Seu oposto, e está sempre tentando voltar para casa.

Glen Bateman, em A Dança da Morte
 
             Um abraço! LUCAS
                           
       E se eu te disser que as estrelas tentam em vão imitar o teu olhar... (lucas)
 
Eu te ensinei a voar.
Forjei com pesado cançasso asas brancas 
pra teres em ti todas as possibilidades... E tiveste.
Nos dias em que o medo te procurava,
 eu velei tua casa e te quis bem.
Nos dias de sol saíamos ao campo pra treinar as tuas asas
 que não paravam de crescer e espantar toda a vizinhança.
Te soltar no ar e sentir o vento das tuas asas no meu rosto
era pra mim uma especie delírio.
Mas um dia teu voo foi por demais alto e distante,
 viste lá do alto coisas muitas e coloridas...
Coisas que eu, sem asas, não poderia te mostrar.
Te deixei ir.
Naquele fim de tarde em que voaste pra longe,
eu fiquei ainda muito tempo no alto da torre de onde pulaste pro mundo.
Só fui embora depois que o sol se foi
e o vento secou todas as lágrimas da minha camisa.
Quando achar que deve, volte.
Teu mistério continua guardado.
 
 
                                


Escrito por Lucas às 20h03
[] []



 

Este vento que sopra nos brandais
Leva de arrasto a minha alma
A proa estende-se adiante na vaga
Olhar de garça o meu coração acalma

Ai quem me dera voar no canal
Ai quem me dera ser a tua espera
Ai quem me dera que o amor
Ai! morasse naquela terra

A quilha deste barco sincero
Rasga um manto feito de sal
Uma brisa vinda do norte
É pronúncio de vendaval

Às vezes não se altera o tempo
Às vezes vem a bonança
Às vezes solta-se o sonho
Às vezes a alma alcança

E a viagem, segue branda
No céu solto grito de cagarra
Na sua dança de amor no celeste
Tenho-te presa ao peito em doce amarra

O sol já se escondeu
Deu o lugar à cheia Lua
A magia desce às águas
Canto de sereia, alma nua

Luzeiros, no céu alvas estrelas
Neptuno sorri bem lá do alto
Uma nuvem de gaivotas
Uma baleia submerge em sobressalto

Virão todas as vagas aos molhos
O infinito é o que a vista alcança
Até que a aurora apareça na proa
Deste barco de nome esperança

A bússola tem um só rumo
O rumo da infinita ternura
Domarei todas as ondas
No mapa da tua…procura…

Quando precisar de mim
ouça uma música suave
de olhos fechados.
grite meu nome ao vento
ele me trará o recado.

Tenha uma bela noite!

Bons Sonhos!

Lucas



Escrito por Lucas às 20h07
[] []



abraça-me
com a mente solta e leve
sem dúvidas, sem desvios
Porque esta pele em meu corpo 
vestida de sonhos
procura a leveza 

das horas suspensas 
pelos dias formosos

na terra,
onde as harpas

tangem o perfume dos jasmins da Lua
e trazem o desejo

desenhado sobre

a superfície carmim

o beijo faminto dos teus lábios

de Maracujá...

(lucas)

PARECE FOME O QUE EU SINTO...

As vezes acende-se a lua cheia
a beirada da janela da minha emoção
e junto, pousa leve a sua alma
no parapeito da madrugada triste...

Ecoam clandestinos sons aveludados
de cítaras e violinos do Nepal
vestindo de melodia
o céu e a luz melancólica das velas

Sentidos que não entendo,

avançam serenos
nos passos vagos do meu desejo
em ritual de sorrisos e lágrimas...

É puro e forte, o amor
que fazemos, de olhar nu e sereno
e tem o sabor viçoso
das sementes grávidas da terra,

e das raizes mais profundas...

Porém de todas as sinfonias,
o grito das flores
permanece em clave-de-sol
como um turbilhão de timbres e notas

que fluem docemente da plenitude

da pauta harmônica do teu olhar...

Tenho saudades de mim
e do mar sem fim e do destino
que trago na alma
Vivo a noite até ser dia...
E tem noites que conto estrelas na escuridão
na esperança de achar-te perdida entre uma delas...

Habito ecos do infinito 
sigo o fluxo constante e místico
do voo dos Anjos... 
Sou filho da serenidade
Navegante de um barco azul de nuvens
sou a razão de ser, simplicidade e Luz,
 

carrego dentro do peito

uma livre-sina, amar-te sobre todas as coisas

e procurar-te por todas as Vidas...

Pois sou o raio prismático

do fim do arco-íris, 

 o lago onde a Lua

vaidosa se espelha... 
Sou o meu eu inteiro, forte

e frágil mensageiro dos mistérios

que entregas para mim decifrar... (lucas)

            Um Abraço!

              lUCAS

 



Escrito por Lucas às 15h41
[] []



Quando teus olhos estiverem lentos

tristes e sem cor,

Serei tua planta
debruçada na janela,
ás flores em lugar das palavras

que nunca soube  te dizer...
rosas na moldura amarela

em algum canto

de um detalhe no teu vestido.

Convido os pássaros da tarde
para a delicada festa em teus cabelos

macios de seda e ébano... 
passarás por mim, indiferente e leve
e não verás o meu segredo de pólem e flor.

Serei leve como vento que insiste

em penetrar tuas vidraças em noites

de maré inquieta...

Serei então a clara e rosada Lótus que flutua

solitária sobre o cristal dágua num lago japonês

e que só ergue suas pétalas

no clarão da crescente Lua.

Abra a janela e me chama

menina estrela guia

viajaria léguas

para trazer-te o calor

quando tua pele sentir frio

saliva e mel para os teus lábios secos e famintos

Amor para tuas lágrimas

água para tua sede,

mãos para teu amparo

para que jamais se percas

pelos caminhos escuros da solidão...

Meus dedos germinarão sementes na terra bruta

e as flores e os frutos serão teu alimento

e amor será tua farta colheita

e eu serei o homem e a alma serena
que te escuta, quando sorris

e Vibras Lindamente a tua luz

dentro do meu coração.

(lucas)

Como se o amor fosse um pássaro a flutuar

 nos céus azuis da felicidade encontrada e nada mais

 a não ser um grande amor que voa livre e desmedido e insondável.

Acordar é desejar não mais adormecer, senão nas tuas asas

 de pleno vento e suspirar contigo ser âmbar nos portais da próxima vida.

As palavras que entrego nas tuas mãos abertas,

 têm o ritmo das ondas do mar, não são salgadas,

 são antes impacientes como as flores no primeiro dia de primavera.

A cada rumo lento do teu olhar, na face que deslumbro tal

 qual milagre incandescente, feliz e doce, uma mensagem digna

 das linguagens mais sutis, inerentes às eternas

 e sublimes confidências dos amantes.

Definitivamente existe o amor, na singular matéria

 que respiramos entre o espaço,

 o tempo e o brilho das coisas simples 

 o alívio isolado do meu corpo

dentro do teu...

Para quê invocar lugares comuns, quando desta sede indefinível

 retiro a beleza do espírito, que prolonga as manhãs

 mais limpas e as transforma em recanto eterno.

É assim que te amo.

Abraços!

Lucas



Escrito por Lucas às 13h34
[] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]